Certificado digital MEI: o que é e como emitir?

Você sabe o que é e como emitir certificado digital MEI? Nós do Portal SóPJ — site de serviços para empresas — vamos contar tudo para vocês sobre esse documento tão importante para as pessoas jurídicas. Confira, a seguir!

O que é certificado digital MEI? O que é MEI?

Antes de saber o que é certificado digital MEI, você precisa saber o que é MEI e como se tornar um.

O MEI é o Microempreendedor Individual que pode ter um faturamento de até R$81 mil por ano.

Além disso, ele precisa seguir alguns requisitos para poder se tornar um Microempreendedor Individual, já falamos sobre eles aqui no Blog.

certificado digital

Afinal, o que é o certificado digital?

Agora que você sabe o que significa a sigla MEI, então pode aprender sobre o certificado que os microempreendedores podem emitir.

O certificado digital para MEI serve como um documento de identidade eletrônico que serve para realizar diversas transações financeiras.

Embora não seja uma obrigação por lei que o MEI tenha o certificado digital, existe uma exceção: quando o MEI opta por emitir nota fiscal paulista, de acordo com as legislações tributárias estadual e municipal.

Nesse caso, dependendo do estado ou município, pode ser exigido um certificado digital caso o MEI for emitir nota fiscal eletrônica.

Como emitir certificado digital MEI?

Você já sabe o que é MEI, o que configura um certificado, então é hora de aprender como conseguir seu certificado.

Basicamente, a certificação é feita pela autoridade certificadora (AC) da ICP-Brasil, que é vinculada com o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação, homologada pela Receita Federal.

Primeiro você precisa fazer a solicitação em uma AC autorizada, definindo qual o tipo de certificado solicitará.

Nessa solicitação você precisará informar os custos, sistemas de emissão de nota fiscal e formas de pagamento.

Depois é preciso aguardar a validação por uma autoridade de registro (AR) da própria AC. Nesse passo você precisa ir até o local para fazer a validação presencial.

Por fim, é só esperar a notificação pela AC ou AR para baixar e utilizar o certificado. Agora é só utilizar e ficar atento quando for necessário suporte técnico.

certificado digital

Vantagens do certificado digital MEI

Se ainda não está convencido que o certificado digital para MEI é uma boa opção, então precisa ver as vantagens que ele pode oferecer para as pessoas jurídicas. Vamos lá!

1. Agilidade

Ao ter o certificado você ganha agilidade, já que com ele o sistema de emissão de nota conta com um banco de dados que armazena todas as informações dos clientes — facilitando seu preenchimento.

2. Rapidez na emissão

A emissão da nota fiscal eletrônica acontece em poucos segundos. Como os dados ficam memorizados, é possível calcular automaticamente as alíquotas decorrentes da nota.

3. Gerenciamento

Caso você precise de uma recuperação dos dados e a análise deles, então pode recorrer ao sistema que está armazenado.

Enfim, agora você sabe o que é certificado digital MEI, como emitir e as suas maiores vantagens. Ficou interessado? Então preencha o nosso formulário e aguarde o contato de uma empresa desse segmento.

O que é comprovante de MEI? Saiba aqui!

Nós do Portal SóPJ — site de serviços para empresas — vamos falar tudo sobre o comprovante de MEI. Se você quer formalizar sua situação ou ainda tem dúvidas sobre esse recurso, então leia essa matéria. Confira, logo abaixo!

O que é MEI? E comprovante de MEI?

Em primeiro lugar, você precisa saber o que é MEI e, em seguida, o que é e como tirar seu comprovante.

A abreviação MEI é dada ao Microempreendedor Individual, ou seja, aquele profissional autônomo que quer se formalizar.

O governo criou esse registro para designar o profissional autônomo como um microempreendedor para ter direitos e obrigações como uma empresa.

abertura de conta

Quem pode ser MEI?

Existem alguns critérios para os empreendedores se formalizarem como MEI. São eles:

  • Em 2018, o MEI não pode ter um ganho anual mais alto que R$81 mil. Esse valor pode sofrer reajustes anuais.
  • Se enquadrar em uma das ocupações permitidas para se tornar MEI. Clique aqui para conferir.

Quem não pode ser MEI?

Existem também algumas restrições que barram a formalização como MEI. São elas:

  • Quem recebe o seguro desemprego.
  • Funcionários públicos.
  • Estrangeiros com visto provisório brasileiro.
  • Proprietário ou sócio de outra empresa.
  • Profissionais liberais que faturam mais de R$81 mil.

Como se tornar MEI?

Se você ainda não é MEI e se enquadra perfeitamente nos requisitos para se formalizar, então nós podemos te ajudar.

Sobretudo, você precisa fazer sua inscrição no Portal do Empreendedor e fornecer as informações sobre o tipo de profissional e a atividade que será regulamentada.

Em seguida, será gerado o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual, como todas informações fornecidas por você e o número do seu CNPJ. Todo processo é gratuito e online.

Afinal, como emitir o comprovante de MEI?

Na prática, a emissão de nota fiscal não precisa do comprovante de MEI. Porém, se por alguma razão você precisar desse documento, então siga esse passo a passo.

1. Entre no site do Portal do Empreendedor.

2. Clique em serviços e depois em “Emitir certificado CNPJ-CCMEI”.

3. Preencha os campos com CPF e data de nascimento.

4. Em seguida, será gerado o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual.

5. Você baixar como PDF, se quiser.

Como emitir nota fiscal?

Para o MEI emitir nota fiscal, ele precisa se cadastrar no órgão responsável na Prefeitura da cidade que reside.

Depois de pedir a solicitação no site da Prefeitura, leve esse documento com o comprovante de MEI até o órgão responsável da sua cidade.

O processo não gera custo e pode ser feito pelo próprio profissional.

abertura de conta

Vantagens de tornar MEI

São várias as vantagens de se tornar MEI, mas podemos falar selecionar as melhores, logo abaixo.

  • Todo o processo é simples e sem custo nenhum.
  • Sua empresa ficará inscrita no CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica).
  • Você poderá emitir nota fiscal para qualquer empresa.
  • Poderá contratar 1 empregado.
  • Tem direito a benefícios previdenciários (aposentadoria integral por idade ou validez, auxílio doença, salário maternidade, pensão por morte e auxílio reclusão).
  • Auxílio doença.
  • Salário maternidade.
  • Pensão por morte.
  • Auxílio reclusão.

Enfim, agora você sabe como fazer o comprovante de MEI. Para saber mais sobre o mundo do empreendedorismo acompanhe as nossas notícias no blog do Portal SóPJ.

Saiba como funciona o cartão de crédito para MEI

Quer saber como solicitar um cartão de crédito para MEI? Então veja nesta matéria o que você deve fazer para conseguir esse tipo de cartão em um dos bancos que oferecem essa opção. Confira como funciona e como solicitar, logo abaixo.

O que é MEI? E cartão de crédito para MEI?

Antes de saber como ter um cartão de crédito para MEI, você precisa entender qual o perfil necessário para conseguir esse benefício.

O MEI (Microempreendedor Individual) é aquela pessoa que trabalha de maneira autônoma e se legaliza para trabalhar como pequeno empresário.

Para se encaixar nesse perfil é necessário ganhar até R$ 81.000,00 por ano, não ser sócio em outra empresa, contratar no máximo um empregado, entre outras características.

Afinal, o que é cartão de crédito para MEI?

Esse tipo de cartão é destinado aos micros, pequenos e médios empresários que são legalizados como MEI.

Desse modo, esses empreendedores podem utilizar o cartão de crédito para comprarem equipamentos, veículos, entre outros benefícios que ele pode oferecer.

Alguns cartões com limites mais altos podem facilitar na abertura da empresa, por exemplo.

Cartão BNDES para MEI

Conheça agora alguns bancos que oferecem cartão de crédito para microempreendedores.

1. Cartão de crédito BNDES para MEI

O cartão de crédito BNDES é destinado para microempreendedores que possuem um faturamento de até R$ 90 milhões de reais por ano.

Podemos dizer que esse cartão funciona como um empréstimo, já que visa que os trabalhadores informais se tornem formais.

Para solicitar o cartão você precisa:

  • Acessar o site do BNDES.
  • Clicar em “solicite seu cartão”.
  • Informar seu CNPJ e sua classificação nacional de atividades econômicas (CNAE).
  • Selecione o banco que você já possui conta corrente (Bradesco, Caixa, Itaú e outros).
  • Preencha a proposta de solicitação do cartão.

Depois de preencher e solicitar seu cartão no site, você deverá ir até o seu banco para entregar a documentação exigida. Confira:

  • Balanço patrimonial.
  • Contrato Social da empresa.
  • Atas de eleição dos administradores.
  • Certidão Negativa de Débito (CND).
  • Certidão de regularidade do FGTS que você deverá solicitar no site da Caixa.

Em seguida, se tudo estiver correto, aguarde até 30 dias corridos para receber seu cartão.

Vantagens do Cartão BNDES

Se você está pensando em solicitar o cartão de crédito para Microempreendedor, então saiba quais vantagens você terá.

Dependendo do banco emissor o seu limite de crédito pré-aprovado pode chegar até R$1 milhão.

O financiamento automático é de 3 a 48 meses, com o pagamento em prestações fixas e iguais.

Além disso, as taxas de juros desse tipo de cartão tendem a ser muito atrativas para os micro, pequenos e médios empresários.

Como utilizar o Cartão BNDES?

Existem duas formas de utilizar o Cartão BNDES. São elas:

1.Compra direta

É a compra online realizada pelo cliente no Portal do BNDES.

2.Compra indireta

Compras que exigem negociações comerciais e especificações técnicas dos materiais permite a negociação de preços.

O fornecedor autorizado do BNDES insere a compra no Portal do Cartão BNDES e processa a transição, logo depois da negociação e acordo comercial.

É importante saber que o pagamento do cartão é todo dia 15 de cada mês, somente com débito em conta corrente.

Enfim, quer solicitar um cartão de crédito para MEI? Então clique aqui e aguarde o contato de uma empresa do segmento.

Dia do Empreendedor: 5 dicas para melhorar o seu negócio

O Dia do Empreendedor é comemorado dia 5 de outubro. Por isso, nós do Portal SóPJ queremos parabenizar todos os empresários que trabalham muito e superam dificuldades para manterem seu próprio negócio. Parabéns!

Dia do Empreendedor: 5 de outubro

Em primeiro lugar, é importante saber que o Dia do Empreendedor foi criado em 5 de outubro de 1999, quando o presidente da época, Fernando Henrique Cardoso, instituiu a lei 9.841.

Essa lei deu início ao primeiro Estatuto Nacional da Microempresa e Empresa de Pequeno Porte.

Dessa forma, o documento anulava o decreto anterior a respeito do tema (9.317/1996), que dispunha sobre o regime tributário dessas companhias e criava também o Simples Federal.

Essa nova lei assegurava um tratamento jurídico diferenciado, simplificado e favorecido — previsto na Constituição Federal.

Geração de leads

O que é Simples Federal?

Já que essa data coincide com o dia da criação do Simples Federal, vamos explicar um pouco sobre ele.

Sobretudo, o Simples foi criado para reduzir a carga tributária para micro e pequenas empresas — com o intuito dos empreendedores saírem a da informalidade.

O que é Simples Nacional?

Em 2006, a norma foi revogada pela Lei complementar nº 123/2006 para criar o Simples Nacional.

Primordialmente, o Simples Nacional é um regime de arrecadação, cobrança e fiscalização de tributos aplicável apenas para micro e pequenas empresas.

Para celebrar a data, buscamos algumas dicas para melhorar o seu negócio. Confira, logo abaixo!

1. Faça uma análise do desempenho

É importante fazer uma análise regularmente do desempenho do seu negócio para identificar áreas de oportunidades, pontos a melhorar e novos planos para aumentar a produtividade.

Faça comparações com determinados períodos para verificar se precisa melhorar ou se está no caminho certo.

2. Passe as tarefas financeiras para alguém

Um dos grandes erros de empreendedores é gastar muito tempo realizando ações e tarefas da área financeira da empresa.

O correto é passar para alguém de confiança essa tarefa ou contratar uma empresa terceirizada — a fim de focar nas outras áreas do seu negócio.

3. Aplicativos de gestão para melhorar seu tempo

Sem dúvida, os empresários possuem muitas tarefas e tomadas de decisões no dia a dia.

Portanto, procure utilizar aplicativos que gerenciem melhor o tempo e as tarefas do cotidiano — com o propósito de aumentar o rendimento.

Geração de leads

4. Delegue as tarefas

O empreendedor precisa saber encarregar seus funcionários das tarefas diárias para se dedicar aos assuntos estratégicos da empresa.

Saiba encarregar cada funcionário com as devidas funções, de acordo com o cargo. Além, claro, de treinar cada profissional para determinado cargo.

5. Saiba resolver conflitos

Procure saber resolver os conflitos que surgirem no decorrer do dia a dia da empresa.

É preciso ter imparcialidade e tentar solucionar da maneira mais justa possível.

Veja os problemas de vários pontos de vista possível para não causar nenhum mal-entendido na sua empresa.

Pequenas empresas estão melhorando a economia

Recentemente, o Caged (Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados) divulgou que de cada 10 novas vagas formais de trabalho, 7 eram de micro e pequenas empresas.

As MPEs (Micro e Pequenas Empresas) têm sido responsáveis por uma mudança no cenário econômico e do trabalho formal. E isso só tem a melhorar!

Feliz Dia do Empreendedor a todos os empreendedores brasileiros. Conte conosco e fique por dentro das novidades do setor, clicando aqui.

3 vantagens de contratar empresa de Big Data

Muitas pessoas acham que a busca e coleta de dados só pode ser feita por grandes empresas. Porém, negócios de todo tamanho podem contratar uma empresa de Big Data para capturar e processar grandes volumes de dados e extrair análises avançadas. Saiba mais!

Empresa de Big Data

Em primeiro lugar, antes de saber o que é uma empresa de Big Data faz, é importante saber o que é Big Data.

Na categoria “Big Data” do Blog e do Portal, você encontra todas as informações sobre esse recurso, mas nós podemos resumir para você.

O que é Big Data

O Big Data é uma ferramenta que armazena e opera uma grande quantidade de dados que leva em consideração 3 V’s. São eles:

  • Volume: é a quantidade de dados que o Big Data consegue capturar.
  • Velocidade: a captura é feita em tempo real e em alta velocidade das informações.
  • Variedade: é o tipo de formato que os dados podem apresentar, como um post de Blog, texto na rede social, entre outros.

Como funciona o Big Data?

O Big Data funciona com base em softwares e dashboards. Existem 3 elementos importantes para o seu funcionamento. São eles:

  • Fontes de dados: são os sistemas funcionais e operacionais, como aplicativos, redes sociais e outros.
  • Plataformas: chamado de “back end”, essa plataforma captura e gerencia os dados.
  • Ferramentas e Apps: essa é a parte do “front end”, utilizado por executivos, analistas e outros.

3 vantagens de contratar uma empresa Big Data

Agora que você sabe o que é o Big Data, então vamos falar sobre as vantagens de apostar nessa ferramenta para sua empresa. São elas:

1. Tomada de decisões

O Big Data ajuda nas tomadas das decisões e estratégias para melhorar o desempenho da empresa.

Dependendo da informação, é possível criar produtos, criar estratégias de Marketing, entre outros insights que podem surgir.

Além disso, o Big Data pode passar dados sobre os concorrentes — trazendo novas ideias para diferenciar sua empresa.

2. Estratégias mais eficientes

Não basta apenas ter uma nova estratégia em mente e não saber como utilizá-la.

As ações precisam ser eficientes e gerar valor, credibilidade e resultados para as campanhas desenvolvidas.

As análises do Big Data podem mostrar o perfil do seu público para que você faça campanhas segmentadas.

Uma empresa de pacotes turísticos pode descobrir os destinos preferidos dos seus clientes e, assim, enviar promoções dos locais procurados por eles.

3. Retenção e fidelização de clientes

Através das informações levantadas pelo Big Data, sua empresa pode conseguir encontrar maneiras de prospectar novos clientes.

Tão importante quanto encontrar novos clientes, a fidelização também é superimportante.

O Big Data pode ter informações preciosas sobre seus clientes. Através dos dados, você pode saber o que seus clientes gostam e entregar o que eles precisam.

Muitas empresas esquecem de fidelizar clientes e acabam perdendo-os. Então é importante lembrar que eles também precisam dessa atenção.

Essas são apenas algumas das muitas vantagens que o Big Data oferece para pequenas, médias e grandes empresas.

Enfim, quer contratar uma empresa de Big Data? Então preencha o nosso formulário e aguarde o contato de um dos nossos parceiros.

Como contratar hospedagem de e-mail corporativo?

Uma empresa começa a ser reconhecida no mercado quando cria sua própria imagem e passa a ser reconhecida por ela. Contratar a hospedagem de e-mail corporativo é uma das etapas para esse reconhecimento. Saiba mais!

O que é hospedagem de e-mail corporativo?

Em primeiro lugar, antes de entender o que é hospedagem de e-mail corporativo é preciso saber o que configura esse recurso.

E-mail corporativo é destinado para as empresas terem um padrão entre seus funcionários para comunicar por e-mail internamente e externamente, exemplo: ana@nomedaempresa.com.br.

Dessa forma, não tem erro de comunicação entre os funcionários, clientes e fornecedores.

E-mail corporativo

O que é hospedagem de e-mail corporativo?

A hospedagem de e-mail corporativo é feita por empresas especializadas nesse segmento.

Cada empresa de hospedagem pode cobrar um valor e oferecer diferentes tipos de benefícios, além do e-mail corporativo.

Usar a hospedagem de e-mail corporativo faz com que você registre o domínio com o nome da sua empresa, ou seja, ninguém mais poderá usar utilizar a mesma nomeação.

Como contratar hospedagem de e-mail corporativo?

Existem algumas ações que precisam ser feitas antes de contratar uma empresa de hospedagem de e-mail corporativo.

Sobretudo, você precisa registrar o domínio do nome da sua empresa. Ele precisa ser exclusivo!

Contrate uma empresa especializada

Depois que você registrou o domínio do nome da sua empresa, então pode contratar uma empresa especializada em hospedar e-mail empresarial.

Você também pode aproveitar e contratar um serviço de site institucional para colocar o e-mail corporativo na área de contato.

Por que contratar hospedagem de e-mail corporativo?

Existem vários motivos para contratar e-mail corporativo. Veja abaixo:

Confiança e profissionalismo

Muitas pessoas ficam com receio quando o domínio do e-mail não possui o nome da empresa.

É comum que as pessoas fiquem com dúvida quanto a existência e inidoneidade da empresa.

Além disso, ter um e-mail corporativo passa mais profissionalismo perante aos clientes.

E-mail corporativo

Organização

Com o e-mail corporativo é possível destinar os assuntos para cada setor, aumentando a organização e melhorando o fluxo de trabalho.

Dessa forma, a área de vendas (vendas@nomedaempresa) receberá e-mails relacionados sobre o esse assunto. A mesma coisa acontece com cada setor da empresa.

Credibilidade

Ao ter um e-mail com o domínio da sua empresa, as chances de cliques de abertura podem aumentar consideravelmente.

O número de Spam vai cair ou quase não terá o risco de se tornar um.

Estratégia

O e-mail corporativo também é uma estratégia de reforçar a força da sua empresa.

Pense que as pessoas verão o nome do seu e-mail sempre que entrarem na caixa de e-mail.

Essa estratégia é uma forma de posicionamento da sua marca em relação à percepção das pessoas sobre sua empresa.

É barato e fácil

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é um investimento caro contratar hospedagem de e-mail corporativo.

Além de barato, ainda é um processo fácil e rápido — que pode ser feito online.

Nós do Portal SóPJ esperamos ter ajudado a mostrar a importância de ter um e-mail corporativo, além de ensinar como contratar uma empresa desse ramo.

Enfim, quer contratar hospedagem de e-mail corporativo para sua empresa? Então preencha o nosso formulário e aguardo o contato de uma empresa parceira.

Qual o melhor plano controle de celular para sua empresa?

Quer saber qual o qual o melhor plano controle de celular? Então veja o nosso comparativo! Por isso, criamos uma lista comparando os planos empresariais das operadoras mais populares. Confira e escolha a ideal para você, logo abaixo!

Qual o melhor plano controle de celular?

Se você quer saber qual o melhor plano controle de celular, então precisa ver esse comparativo. Portanto, analise cada operadora e as vantagens que elas podem oferecer para o seu negócio. Vamos lá!

1. Plano Claro Total – 5 GB de internet + ligações limitadas

O plano de celular controle da Claro oferece as seguintes vantagens:

  • Fale à vontade pelo aplicativo WhatsApp.
  • Gerenciamento online para os celulares da sua empresa — possibilitando maior controle sobre o uso da linha. Valor adicional R$4,90/linha/mês.
  • Backup Online incluso.
  • Roaming internacional com tarifas mais baratas.
  • SMS à vontade para qualquer operadora.
  • O valor de 1 linha é de R$72,30/mês.

    2. Plano Tim Black 6GB

    Veja as vantagens de escolher o Plano Tim Black 6GB:

  • O plano oferece 6GB de internet.
  • Ligações ilimitadas para todo o Brasil.
  • Aplicativos para navegar ilimitado, sem gastar sua internet: WhatsApp, Messenger, Waze, 99 Táxi, Instagram, Facebook, Twitter e outros.
  • Incluso Tim Banca Premium.
  • Além disso, também Tim Protect e Tim Finanças.
  • O valor desse plano é de R$69,90/mês.

    plano de celular

    3. Plano Vivo Empresas 5GB de 4G

    A Vivo oferece vários planos empresariais, um deles é o de 5GB de 4G. Veja as vantagens:

  • Ligações ilimitadas para qualquer operadora.
  • Double Play: 5GB de internet exclusiva para os Apps corporativos: Trello e Evernote.
  • Aplicativos que não são cobrados da franquia principal do seu plano: Cabify, Waze, Easy Taxi e WhatsApp.
  • Dados compartilhados e SMS ilimitado.
  • Além disso, Gestão de Custo light.
  • O valor desse plano é de 79,99/mês.

    4. Plano Oi Empresas 10GB

    Confira o que o plano 10GB da Oi Empresa pode oferecer para você, logo abaixo.

  • Ligações ilimitadas para celulares e fixo de qualquer operadora.
  • Ligações ilimitadas para outros estados usando o código de operadora 14 ou 31.
  • 3.000 SMS para todas as operadoras.
  • Conta com valor fixo todo mês.
  • Acesso à rede WiFi da Oi.
  • Conta com valor fixo todo mês.
  • O valor desse plano é R$ 89,00/mês.

    5. Plano Empresarial para Celulares Controle Nextel

    O Plano Empresarial para Celulares Controle Nextel oferece:

  • 3GB de internet sem bloqueio no fim da franquia.
  • Ligações locais ilimitadas para fixo e qualquer operadora.
  • Ligações longa distância ilimitadas para qualquer operadora usando o código 99.
  • Nextel para Nextel tem uma vantagem maior: pode falar à vontade.
  • Roaming Nacional recebe ligações a vontade em todo o Brasil.
  • O valor do plano é de R$ 49,99/mês.

    Afinal, qual o melhor plano controle de celular empresarial?

    Enfim, depois dessas cinco opções qual o melhor plano controle de celular empresarial?

    Todos os planos de todas as operadoras possuem vantagens para as empresas. Além disso, o custo-benefício também vale muito a pena.

    Aliás, é importante lembrar que os valores foram analisados em 20 de setembro de 2018 e, portanto, podem ser alterados depois dessa data.

    Por fim, nossa dica para escolher o melhor plano controle de celular empresarial é verificar se os benefícios são compatíveis com sua empresa.

    Enfim, qual o melhor plano controle de celular para sua empresa? Ficou interessado em algum? Então preencha o nosso formulário e aguarde o contato de uma das empresas parceiras.

    Como consultar Score empreendedor? Aprenda aqui!

    Você sabia que microempreendedor pode consultar de graça o score da sua empresa? Isso mesmo! Nós do Portal SóPJ, site de serviços para empresas, vamos ensinar como consultar Score empreendedor. Saiba como, logo abaixo!

    Consultar Score empreendedor: o que é isso?

    Você sabe o que é consultar Score empreendedor? Nós vamos explicar tudo sobre esse recurso gratuito para você.

    Em primeiro lugar, para entender melhor com esse recurso funciona você precisa saber o que é Score.

    A palavra “score” vem do inglês e significa “ponto” ou “pontuação”.

    Aqui no Brasil, score é a nomeação criada pelo SERASA (órgão brasileiro de crédito) para ser usado para saber o nível de confiabilidade de uma pessoa física ou jurídica.

    Todas as contas utilizando o seu CPF são enviadas a um banco de dados para gerar a pontuação do seu Score.

    Para que serve o Score?

    Algumas empresas recorrem ao Score dos indivíduos para diminuir a inadimplência.

    Sendo assim, elas podem consultar antes de aprovar ou não o crédito, por exemplo.

    Se o seu Score está alto, então tem mais chances da sua compra ou crédito ser aprovada.

    Porém, se o seu Score está baixo, então a probabilidade de crédito diminui.

    O que pode causar Score baixo ou negativo?

    Existem algumas atitudes que podem fazer o nível do seu Score baixar. São eles:

    • Cheques sem fundo na data de pagamento.
    • Falta de pagamento de contas básicas (luz, água, internet, telefone e outras).
    • Ações judiciais.
    • Inadimplência em bancos, cartões de crédito, empréstimo e outros.

    Como melhorar seu Score?

    Existem algumas ações que podem melhorar a situação do seu Score. São elas:

    • Procure não entrar em dívidas e, portanto, mantenha as contas em dia.
    • Não gaste com aquilo que não pode pagar.
    • Se estiver com o nome sujo, então procure limpá-lo.

    O Score é dividido em 3 níveis. São eles:

    • Alto risco de inadimplência: 0-300.
    • Médio risco de inadimplência: 301-700.
    • Baixo risco de inadimplência: 701-1000.

    Afinal, como consultar Score empreendedor?

    Agora que você sabe o que é Score, o que pode diminuir ou aumentar a sua pontuação, então podemos explicar como consultar Score empreendedor.

    O Serasa liberou para os microempreendedores a opção de consultarem a pontuação de crédito.

    Você só precisa ir até o site do Serasa Empreendedor e fazer o login em “Consulte agora. É grátis”.

    Preencha a data de nascimento e o nome da mãe do CPF cadastrado na plataforma.

    Pronto! Depois de preencher e fazer o login, então poderá ver o Score Empreendedor da sua empresa.

    O acesso ao Score Empreendedor é simples, rápido e seguro. E uma das maiores vantagens é o acesso gratuito.

    Quais empresas podem consultar o Serasa Score Empreendedor?

    Os modelos ME (Microempresa) e MEI (Microempreendedor Individual) podem acessar o Serasa Empreendedor para consultar o Score.

    Por que é importante consultar o Score?

    As empresas que consultam seu Score e possuem boa pontuação podem pedirem crédito no mercado.

    Além disso, a pontuação do Score também pode ajudar na tomada de decisões para você realizar negócios.

    Afinal, vai consultar Score Empreendedor? Conte nos comentários! Se você quer consultar o Score dos seus clientes, então preencha o nosso formulário e aguarde o contato de um dos nossos parceiros.

    Quer comprar leads plano de saúde? Veja como funciona!

    Muitas pessoas ainda não sabem que todas empresas podem se beneficiar da geração de leads, inclusive negócios da área da saúde. Por isso, nós do Portal SóPJ vamos mostrar as como funciona e quais as vantagens de comprar leads plano de saúde. Confira!

    Comprar leads plano de saúde: o que é?

    Em primeiro lugar, você precisa entender o que é geração de lead e como ela pode beneficiar a sua empresa.

    A geração de lead é uma estratégia do Marketing Digital que atrai usuários interessados em comprar/contratar produtos ou serviços de uma empresa.

    Em outras palavras, a geração de lead é quando um usuário preenche um formulário na internet e informa seus dados de contato.

    Sendo assim, a empresa entra em contato com esse lead (nome quando o usuário enviou seus dados) e passa mais informações com o objetivo de finalizar a venda.

    Afinal, o que é comprar leads plano de saúde?

    Comprar leads plano de saúde é uma ação que pode ser feita por empresas da área de saúde que buscam por clientes interessados nos seus serviços.

    Com tanta informação na internet, qual o melhor jeito de atrair esses usuários? Utilizando a geração de leads.

    Isso porque os leads preenchem os formulários online com real intenção em comprar plano de saúde.

    Geração de leads

    Em quais plataformas a geração de leads pode ser feita?

    Existem várias plataformas para fazer a geração de leads. Através das ferramentas de anúncios das redes sociais (Facebook Ads e Linkedin Ads), Google Ads e conteúdo SEO.

    Um dos formatos mais usados é o disparo por E-mail Marketing, que envia para uma lista segmentada.

    Entenda a geração de leads de plano de saúde

    Para você entender como é feita a geração de leads de plano de saúde, veja o passo a passo:

    1. Definir persona/avatar

    Esse primeiro passo é importante para construir uma estratégia de acordo com o perfil do público que você quer atingir.

    Neste caso, já sabemos que é um público interessado em plano de saúde, mas ainda é preciso saber a faixa etária, profissão, entre outras características.

    1. Compra de tráfego

    Através de anúncios patrocinados na internet é possível aumentar o tráfego do formulário de lead ou de alguma página específica do site da empresa de plano de saúde.

    1. Landing Page

    Sabe o formulário de preenchimento de dados que já citamos no texto? Ele também é chamado de Landing Page.

    A Landing Page é uma página de um site, mas possui elementos que remetem à componentes de um anúncio — já que visa a venda de um produto/serviço.

    1. Leads

    Assim que o usuário preenche o formulário automaticamente ele se transforma em lead.

    Portanto, ele precisa ser contactado o mais rápido possível, já que demonstrou interesse na sua empresa.

    1. Entrar em contato

    Como citado acima, o lead precisa receber um contato mais rápido possível. Lembre-se de usar estratégias de vendas para fazer a conversão.

    Então, ficou interessado em comprar leads plano de saúde? Se você quer receber um contato de um dos nossos parceiros preencha o nosso formulário, clicando aqui.

    Qual o melhor banco para o empreendedor individual?

    Em meio a tantas opções, qual o melhor banco para o empreendedor individual? Se você é microempreendedor, com certeza, já fez essa pergunta para si mesmo. Por isso, nós do Portal SóPJ vamos contar algumas opções para você.

    Qual o melhor banco para o empreendedor individual?

    Em primeiro lugar, para saber qual o melhor banco para o empreendedor individual é preciso identificar as opções que temos no mercado. Por isso, levantamos as melhores opções para o pequeno empreendedor que quer abrir conta empresarial.

    Então, confira as vantagens que cada banco oferece para microempreendedor individual, logo abaixo.

    1. Bradesco para MEI

    Se você é MEI (Microempreendedor Individual) pode abrir uma conta exclusiva para essa modalidade no Bradesco. As vantagens são:

    • Microcrédito com taxas e prazos diferenciados para comprar o que a sua empresa precisa, como equipamentos, garantir o Capital de giro e muito mais.
    • Através do App Bradesco você consegue capturar a imagem de cheques para fazer depósitos.
    • Tenha um lembrete de cobrança toda vez que precisar pagar uma conta ou quando receber pagamentos.
    • Um cartão de crédito empresarial para ser usado para necessidades da sua empresa.
    1. Banco do Brasil

    Os microempreendedores podem ter algumas vantagens na hora de escolher o Banco do Brasil. São elas:

    • Você não paga pela tarifa de cadastro e manutenção da conta.
    • Recebe o cartão Ourocard Empreendedor que oferece as funções de débito, crédito e movimentação bancária.
    • O cartão não cobra tarifa e anuidade, além de facilitar o crédito, aplicações financeiras e seguros.
    • Use o Gerenciador Financeiro pela internet para organizar a saúde financeira da sua empresa e operar diferentes transações.
    1. Santander

    Ao aderir a Conta Super do banco Santander, sua empresa possui as seguintes vantagens:

    • Faça depósitos e transferências com o nome da sua empresa.
    • Conte com aplicativo de gerenciamento de conta.
    • Você pode abrir contas para os seus funcionários para realizar pagamentos de salários e não paga nada por isso.
    • Transferência ilimitada entre contas Super Santander.

    1. Itaú

    A conta do Itaú para empresas oferece muitas vantagens para o microempreendedor. Confira!

    • Isenção de mensalidade da conta corrente por 6 meses.
    • Durante os 6 primeiros meses, os 30 boletos por mês você pela internet ou celular você não paga tarifa.
    • Você pode contar com o Itaucard Bussiness, um cartão de crédito para pequenas e médias empresas.
    • Com o cartão de crédito empresas você pode parcelar em até 12 vezes, com ou sem juros, de acordo com cada estabelecimento.
    1. Caixa

    No banco Caixa, com o cartão empresarial você consegue:

    • Realizar empréstimos, financiamentos, convênios de arrecadação e cobrança, entre outras ações bancárias.
    • Ele possui tarifas que estão entre as menores do mercado.
    • Através do Internet Bancking você pode contar com mais de 100 serviços no celular, tablet ou computador.
    • Milhares de pontos de atendimento em todo país, ou seja, próximo de aonde você estiver.

    Afinal, qual o melhor banco para o empreendedor individual?

    Provavelmente, depois de ver as vantagens que cada banco pode oferecer para você será mais fácil escolher a melhor opção para MEI.

    Analise com atenção cada banco citado acima e veja as tarifas atuais que cada um oferece. Então, faça a sua escolha de acordo com as necessidades da sua empresa.

    Diante disso, qual o melhor banco para o empreendedor individual para você? Se quer mais informação sobre abertura de conta, então, preencha o nosso formulário aqui.